Roberto Corrêa, o mestre violeiro

  • 20:00
  • TEATRO SESC GAMA - SIND - QI 1, Brasília - DF, 72445-000




Roberto Corrêa, o mestre violeiro

Lírica Caipira

Roberto Corrêa (viola caipira, viola de cocho e voz)

Herik Sousa (violão e voz), Felipe Pessoa (violão 7 cordas)

Roberto Corrêa, foto de Ricardo Labastier

 

LÍRICA CAIPIRA

O espetáculo “LÍRICA CAIPIRA” aborda temas do sertão caipira em solos instrumentais e canções duetadas (dupla caipira) e poesias. O artista Roberto Corrêa (viola caipira, viola de cocho e voz), tendo como convidados, Herik Sousa (violão e voz) e Felipe Pessoa (violão 7 cordas), apresenta performance retratando a cultura da região caipira do Brasil. Nas canções e poesias, a lida do ser humano com a natureza, seu imaginário e sua devoção. O espetáculo destina-se ao público que, de alguma forma, direta ou indiretamente (atavismo e identificação) se conectam à música, à poesia, à literatura e aos aspectos identitários da cultura interiorana.

 

LÍRICA CAIPIRA

Roberto Corrêa – viola caipira, viola de cocho e voz

Herik Sousa – violão e voz

Felipe Pessoa – violão 7 cordas

 

ROTEIRO

Araponga isprivitada (Roberto Corrêa)

Viola quebrada (Mário de Andrade) 3:00

Saudades de Matão (J. Galate – R. Torres – A. Silva) 4:00

Um pedaço de minha vida (Raul Torres) 3:30

Trenzinho caipira (Heitor Villa-Lobos) 4:30

Nos gerais (Roberto Corrêa – Néviton Ferreira)

Odeon (Ernesto Nazareth) 3:30

Brejeiro (Ernesto Nazareth) 3:00

Naquele tempo (Pixinguinha) 3:30

Mazurca pantaneira  (Roberto Corrêa)

Peleja de siriema com cobra (Roberto Corrêa)

Siriema (Nhô Pai – Mario Zan) 2:30

Pai João (Zé Carreiro – Chanduzinho) 3:00

Juriti mineira (Goiá – Zacarias Mourão) 2:30

Tristezas do Jeca (Angelino de Oliveira) 4:30

 

Duração aproximada: 70 minutos

 


 

Apresentações